Turismo Rural consolidando-se em Ibiúna | Jornal VOZ de IBIÚNA

Turismo Rural consolidando-se em Ibiúna

Fernando Moraes

Uma nova turma do curso de Turismo Rural promovido anualmente pelo Sindicato Rural de Ibiúna em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) acaba de se formar. Um workshop no Recanto e Haras Passárgada, no bairro Feital, marcou o encerramento do curso, finalizado no último dia 03 no sítio Vale Verde (nos Grilos).
Com casos de sucesso apresentados por ex-alunos do curso e profissionais da área, ficou evidente que o Turismo Rural começa entrar em uma fase de consolidação, com algumas experiências bem sucedidas, com otimismo do setor para o futuro e, acima de tudo, a união em torno de transmitir conhecimentos que proporcionaram sucesso de empreendedores.
O workshop foi acompanhado por cerca de 80 pessoas, entre convidados especiais e participantes do curso. A primeira parte da atividade consistiu em uma visita técnica pelo Haras, capacitado para receber eventos e competições nacionais e internacionais.
A visita foi conduzida pelos proprietários do Haras, o casal Diomar e Admir Ferro, que puderam mostrar uma estrutura nova, mas que já tem conquistado o público com o qual trabalham.
Posteriormente, os visitantes puderam se servir com um café preparado por participantes dos cursos, por grupos de alimento orgânico, com destaque para os bolos e tortas da Thais Raiz Café.
As apresentações dos casos aconteceram após a introdução do Coordenador de Cursos do Sindicato, Antonio Custódio, e do instrutor do curso de Turismo Rural Gumercindo Basso.
Dona Ilda Falacho Torres, do projeto Raízes da Terra, foi a primeira a contar sua história e transmitir ao público como um sonho pode se tornar realidade com trabalho, dedicação e planejamento. Na sequência, os importantes depoi-mentos de Elisa Flaiban, da chácara Flamboyant, e de Admir Ferro, do Recanto e Haras Passárgada. Para finalizar, aluna do curso Regiani Góes, que falou sobre o valor de ser ibiunense, resgatando o orgulho do cidadão que vive na área rural, destacando seus potenciais.

Comments

comments

Postado em 14, dezembro, 2017