Pai: três letras que forma uma das mais belas palavras | Jornal VOZ de IBIÚNA

Pai: três letras que forma uma das mais belas palavras

Professora Luiza

Quando nossos lábios libertam a palavra Pai, logo pensamos numa pessoa mágica, que foi criada para amar, educar e proteger. Existem os pais biológicos, os pais de coração e os pais que adotamos pra nós. O dia dos pais não é apenas uma data para presentear esses homens aos quais admiramos e muitas vezes até imitamos, mas sim um dia determinado para manifestarmos nosso amor e a nossa gratidão. Feliz aquele que teve em sua vida esse alguém tão especial que junto percorreu caminhos, comemorou vitórias e chorou as derrotas; esse alguém que tenta sempre dar o melhor de sí e ainda quando erra, estava tentando acertar. E feliz o homem que soube (e sabe) ser pai. Que assumiu no seu coração não apenas as responsabilidades de cuidar de uma pequena vida, mas, sim, compreendeu que o amor é doação, é renúncia, é decisão.  Portanto, o dia dos pais não é apenas uma data no calendário. É o dia dedicado a todos os homens que se tornaram imitadores de Deus na arte de cuidar, defender e lapidar preciosas joias que são os filhos. Lapidar requer esforço, firmeza e dedicação. Não é bom pai aquele que diz sempre ‘sim’, mas é sábio aquele que sabe à hora correta de dizer não. “Pai, você não precisa ser forte o tempo todo. Você não precisa ser herói o tempo todo e tão pouco precisa ser perfeito. Seja amor, e o restante se constrói…”

 

Comments

comments

Postado em 11, agosto, 2016