O que diz a Prefeitura: - Jornal VOZ de IBIÚNA

O que diz a Prefeitura:

Leia Antes: http://jornalvozdeibiuna.com.br/?p=9431

O VOZ encaminhou uma série de perguntas a Prefeitura sobre a contratação da L.C.P. Transportadora. A Assessoria de Imprensa do município se manifestou sobre o assunto. Veja as perguntas e as respostas encaminhadas pela Administração João Mello (PSD):

VOZ: Qual o motivo da suspensão da licitação do transporte coletivo?

Prefeitura: Conforme a lei autoriza, houve impugnação a alguns itens do edital e, ao mesmo tempo, representação junto ao Tribunal de Contas do Estado. Tratando-se de procedimento licitatório para concessão de serviços de transporte coletivo, de longa duração, seria extremamente temerária a continuidade da licitação. Daí porque, como medida de prudência, a Comissão deliberou suspender a licitação para análise dos pontos impugnados e eventuais correções.

VOZ: Há data para o processo ser retomado?

Prefeitura: A impugnação está em análise e o processo será retomado em alguns dias.

VOZ: A ex-sócia majoritária da L.C.P

. Transportadora, Jorgina Gomes Pereira da Silva, disse que não conhece Ibiúna e que não sabia que a empresa que está em nome delas, opera os serviços na cidade. Qual foi o contato da empresa para assinar contrato com a Prefeitura?

Prefeitura: De acordo com a referida senhora, não houve contato do jornal com a mesma, estando disposta a fornecer declaração juramentada sobre isso. Por isso, entendemos que a pergunta é impertinente, capciosa e descabida.

VOZ: Quais foram as outras empresas que a Prefeitura pediu orçamento para justificar o emergencial com a L.C.P.?

Prefeitura: As empresas Coutinho Ferreira Serviços e Transporte LTDA, Empresa de Ônibus Vila Élvio e a L.C.P. Transportadora.

VOZ: De quem são os ônibus que estão fazendo os serviços em Ibiúna?

Prefeitura: Os veículos estão sob responsabilidade da empresa contratada, a quem cabe responder a questão, caso queira.

VOZ: Quais valores foram pagos a L.C.P nos três meses de execução dos serviços?

Prefeitura: De acordo com a Secretaria Municipal de Finanças, esta solicitação deve ser feita via protocolo.

VOZ: É de conhecimento da Prefeitura que a empresa responsável pelos serviços de transporte coletivo na cidade tem novos sócios?

Prefeitura: Sim, e a empresa já comunicou a alteração contratual à Prefeitura.

VOZ: A empresa, quando assinou contrato emergencial com a Prefeitura, estava com a Certidão Negativa de Débitos em dia?

Prefeitura: Foram exigidas todas as certidões pertinentes, inclusive CND, estando em dia com todas as obrigações.

 

Postado em 8, junho, 2017

Comente!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>